Notícias

Turismo da Chapada Diamantina avalia com otimismo o verão 2023

Antônio Laranjeira – 28 de dezembro de 2022

Com novos voos nacionais e internacionais em Lençóis e rotas inovadoras de turismo local, empresários e gestores estimam maior desenvolvimento na alta temporada.

Poço Azul é um dos destinos mais pesquisados no Google sobre a região | Foto: Alex Uchôa

O verão aquece também a economia do turismo pelo Brasil. Com a reabertura pós-pandemia e novos decretos de flexibilização das medidas de controle da Covid-19 emitidos pelo Governo da Bahia, o número de viagens para a Chapada Diamantina deve aumentar entre janeiro, fevereiro e março de 2023.

Verão na Bahia

As cidades de Ibicoara, Lençóis e Mucugê são exemplos de onde os profissionais do Turismo têm se preparado e se unido para receber os viajantes na alta temporada 2023.

Os segmentos de hotelaria, agências e restaurantes dessas cidades vêem com otimismo o verão do ano que se aproxima e isso está refletido na opinião de especialistas e representantes do segmento do Turismo nas cidades da região.

Dulce Ferrero, presidente da Associação Comercial Empresarial de Lençóis (ACEL) e proprietária dos restaurantes Tomattito e Cascalho, acredita que no contexo pós-pandemia a economia tende a se reaquecer com o verão.

“Com o retorno dos voos esperamos que isso se solidifique com a GOL e a Azul Linhas Aéreas operando, a expectativa do nosso setor é muito boa. Esperamos que esse novo ano nos traga o entendimento de que somente trabalhando juntos, o setor público e o privado, é que conseguiremos construir uma cidade mais harmônica e próspera”, avalia a representante da ACEL.

Fred Matt, diretor de comunicação da Associação Comercial e Turística de Mucugê (ACTM) tem a expectativa de que 2023 será um ano melhor que 2022 para o comércio local.

“Esse ano que está terminando foi o ano de readaptação às atividades turísticas, mas mesmo assim foi espetacular! Em 2023, o trade estará com sua estrutura mais adaptada e preparada para atender a demanda que promete ser excelente”, comenta o representante da ACTM.

Novos voos para Chapada Diamantina

Desde novembro o Aeroporto Horácio de Mattos, da cidade de Lençóis, recebe novos voos semanais do Aeroporto Internacional de Salvador, a mais nova opção de transporte aéreo na Chapada Diamantina, região que revela as maravilhas da sua natureza, sua cultura e sua gente.

Voo inaugural da GOL/Voepass | Foto: Tatina Azeviche/Setur-BA

“O aeroporto da nossa cidade atende toda região. É com muita felicidade que damos a notícia da volta dos voos comerciais para nosso aeroporto. Houve uma grande articulação entre poder público municipal, estadual e iniciativa privada para que isso acontecesse. Nosso aeroporto tem uma localização central na região da Chapada Diamantina, ou seja, temos aqui um potencial para ser um vetor de desenvolvimento regional facilitando também viagens e eventos de negócios”, afirma a prefeita de Lençóis, Vanessa Senna.

Roteiros inovadores na região

Com roteiros inovadores em 2023, o Sebrae Bahia também tem um plano otimista para o verão na região da Chapada Diamantina. A expectativa é que 2023 retome de forma definitiva as atividades do turismo, pós-pandemia, atraindo visitantes que buscam maior contato com a natureza e novas experiências.

“O Sebrae segue incentivando em 2023 a criação e formatação de novos produtos e serviços criativos na região. Desde 2019 já são três Rotas Especiais de Turismo: a Rota do Café, Rota das Experiências Sensoriais e Rota das Frutas Vermelhas, que envolvem os municípios de Mucugê, Ibicoara, Piatã, Morro do Chapéu e Palmeiras“, explica Michelle Nonato, gestora do projeto de Turismo do Sebrae.

Morangos são frutas em abundância na região | Foto: João Almeida

A Rota Sensorial apresenta vivências únicas com experiências sensoriais através de óleos essenciais, vinícolas, produtos orgânicos, queijos especiais, embutidos e defumados artesanais, e flores e alimentos orgânicos.

A Rota do Café permite ao visitante apreciar todo processo de produção, desde o plantio até a sua colheita, recebendo informações sobre as diferentes torras e características de cada bebida, e tendo a oportunidade de degustar o café, com uma boa prosa.

A Rota das Frutas Vermelhas proporciona uma visita guiada aos sítios que cultivam frutas vermelhas, como o morango, a amora preta, framboesa e o mirtilo, com proposta de visitação que apresenta o dia a dia do campo, com explicação dos métodos de produção, informações sobre a cultura local, e a degustação dos produtos, como geléias e licores com essas frutas.

Quer planejar sua viagem? Adquira aqui o seu E-book do Guia de Viagem Chapada Diamantina.



Publicidade
Publicidade
error: Content is protected !!