A singela Piatã está entre belas escarpas rochosas e guarda grandes títulos. Dona da maior altitude do estado da Bahia (1.280 metros) e da menor temperatura (3 °C no inverno) está cercada por plantios de cafés que se destacam em todo o mundo com premiações e certificações. Situado em um platô entre as serras da Tromba e da Santana, o município

possui atrativos variados para o turismo ecológico, rural, cultural e práticas esportivas de aventura.

No centro histórico, encontra-se a Igreja Matriz do Bom Jesus, tombada pelo IPAC em 2012 e símbolo do início do povoamento, datado de 1725. A hidrografia privilegiada reúne quedas d’água, lagoas e leitos de rios belíssimos, como as cachoeiras do Patrício, Cochó, Três Bicas, Mariazinha e Malhada da Areia. Aos interessados em arqueologia, a zona rural dos Três Morros guarda desenhos de 9 a 11 mil anos, registros dos povos primitivos e indígenas.

Os altos picos possuem mirantes com visuais de tirar o fôlego. As Serra da Santana, da Tromba, do Gentio e do Navio oferecem vistas panorâmicas alcançadas a partir de trekkings desafiadores. Por conta da altitude, estes trajetos podem apresentar chuvas e neblina e é bom estar preparado para o clima peculiar do alto sertão baiano.

Publicidade
Publicidade