Sobre a chapada

Artes e Artistas

Todos os anos, além dos artistas e artesãos locais, a região atrai diversos artistas de outras localidades que buscam por tranquilidade e inspiração para deixar a criatividade fl uir. Pintura, ilustração, escultura, joalheria, costura, bordado, renda, arte em madeira, barro, palha e cerâmica. Tudo isso faz parte do acervo artístico da Chapada Diamantina!

Andaraí e Igatu

Marcos Zacariades – Galeria Arte & Memória
Graduado pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Marcos Zacariades desenvolve seu trabalho a partir da observação social e da pesquisa antropológica dos lugares por onde transita, especialmente a região da Chapada Diamantina, onde fundou a Galeria Arte & Memória, em Igatu.

Gabriel Macedo
Ourives da Chapada Com ferramentas quase centenárias, o artista produz brincos, anéis e pulseiras com materiais que vão desde ouro e diamante bruto até latão. 

Dmitri de Igatu
Paisagens exuberantes da Chapada Diamantina estão presentes nas suas pinturas, especialmente encontradas em muros, paredes e telas. Mais informações: dmitrideigatu.blogspot.com

Presentes
Em Andaraí, na Toca do Morcego, você pode conferir a beleza dos artefatos de pedra típicos da região, principalmente os ornamentos para decoração, que incluem porta-retratos e casas em miniatura, inspiradas nas antigas moradias dos garimpeiros.

Lençóis

Dona Edite
Uma artesã muito querida e respeitada na região. Desde criança, ela confecciona peças em palha de coco e barro, como cestos e panelas.

Ateliê Jotacê & Filhos
Juntamente com sua família, Jotacê produz mosaicos em cerâmica, madeira ou vidro, que abusam das figuras da natureza e dos anjos. Profissional prestigiado, dividiu experiências com o renomado artista Carybé. Seu ateliê fica no Alto da Estrela. Mais informações: [email protected]

Dida Murta
Os calangos, pequenos lagartos que vivem por toda Chapada Diamantina, são a principal marca das ilustrações do artista. Mais informações: [email protected]

Silvia Lopes
O carro-chefe das peças de cerâmica produzidas pela artista Silvia Lopes são as mandalas, todas com desenhos exclusivos, coloridos com pigmentos retirados da argila.
Onde encontrar: Estalagem do Alcino e Galeria Tauá.
Mais informações: silvialopes.com.br

Chapada em Retalhos
Com agulha, linha e tecido, mulheres bordadeiras reconstroem cenários encantadores da região em peças decorativas, que valorizam o patrimônio material e imaterial da Chapada Diamantina. São painéis elaborados a partir do bordado e do patchwork, sendo confeccionados pelo grupo “Chapada em Retalhos”, associação formada por moradoras de Lençóis.
Saiba mais:chapadaemretalhos.org.br

Mucugê

Silvio Jessé
Quadros, azulejos, copos, carteiras, canecas, mochilas, camisas e cartões-postais podem ter o toque especial do artista Silvio Jessé. Seu traço dialoga com a diversidade cultural do Nordeste, ao representar elementos da fauna, flora e do cotidiano dos moradores.
Mais informações: www.silviojessse.com.br

Rio de Contas

Pedro Souza
Apaixonado pela técnica do papel machê, sua obra contempla máscaras, bonecos gigantes e miniaturas. Em 2002, ajudou a criar o Bloco dos Mascarados, hoje uma das atrações mais esperadas do tradicional carnaval de Rio de Contas.

Um rio de arte
O crivo rústico é uma espécie de bordado feito com tecido de algodão por mulheres quilombolas de Barra e Bananal encontrado na cidade.

Morro do Chapéu

Associação de Floricultores Cálamo
No Bairro do Araguaia está a Associação de Floricultores Cálamo. Fundada em 2002, originou-se da organização de um grupo de 20 mulheres que produziam nos quintais de suas casas. A Associação possui uma área para visitação com extenso roseiral, produção de Statices (um tipo de Sempre-viva) e mudas diversas.
Recomenda-se telefonar para agendar a visita. (74) 99969-3070

Vale do Capão

Salomão Zalcbergas
Formado em artes plásticas pela Escola de Belas Artes da UFBA, Salomão Zalcbergas espalhou sua obra por todo o Vale do Capão. As pinturas retratam fatos do cotidiano, a interação dos moradores com a natureza e as manifestações culturais. Facebook: Salomao.Zalcbergas

Danillo Rocha – Marcenaria Canjerana
Em 2016, o marceneiro foi identificado pelo IPHAN como mestre do ofício de construção tradicional local. Utilizando-se de um conhecimento passado por seu pai, o artista cria peças únicas utilizando restos de troncos de árvores mortas encontradas na região. A marcenaria fica na região da mata, na estrada para a Vila do Bomba. 

Miled Andere
Artista Plástico de São José dos Campos, mudou-se para a Chapada Diamantina em 2013. Morador do Vale do Capão desde então, Miled mostra sua arte em diversas técnicas com destaque para pintura a óleo, acrílica e aquarela, marchetaria, aerografia e fotografia. “Pare para procurar curar” foi o tema de sua última exposição em São Paulo.
Informações:(75) 99199-2041 / [email protected]

Seabra

Pedro Lima
O artista plástico já acumula mais de dois mil trabalhos e é conhecido pela diversidade temática de sua produção. Foi premiado nos Salões de Artes Visuais da Bahia 2014 (Etapa Barreiras).
Informações: www.galeriaeatelierpedrolima.com.br.


Galeria de fotos


Publicidade
Publicidade