Notícias

IMERSÃO DA CULTURA YORUBÁ

Shows e Oficinas do dia 10 a 16 de janeiro, em Lençóis.

Do dia 10 a 16 de janeiro, a cidade de Lençóis BA, Chapada Diamantina, será sede de um encontro com shows e oficinas que tem como objetivo promover o intercâmbio cultural entre Nigéria e a Chapada Diamantina. A novidade do Festival Adún é a presença do Artista Nigeriano Ìdòwú Akínrúlí, percussionista e especialista na realização de ações culturais de promoção das artes e cultura Yorùbá, sua matriz étnica, no Brasil. Trabalha com artistas da Nigéria e África em geral com foco na tradição e expressões contemporâneas da música e dança. 

Em 2018, promoveu o Intercâmbio Cultural entre Nigéria e Brasil, fazendo parte da comissão organizadora da visita do rei Ọọni Ọba Adéyẹyẹ̀ Ẹnitàn Ogúnwusì, maior autoridade do povo Yorùbá, à Salvador, Rio de Janeiro e Minas Gerais. Atualmente, é coordenador da empresa ÌLÚ AKIN Produções, dirige o projeto Ontologias Outras, Grupo ÌBEJÌ, Ọ̀ṣẹ́ẹ̀túrá Africa’njazz e FELA DAY POA (Evento em tributo a Fela Kuti). A frente da Ìlú Akin Produções, e enquanto produtor cultural, Ìdówú Akínrúlí, através desse setor cultural e artístico, atua na continuidade ao fomento, promoção e produção de eventos e manifestações artísticas voltadas para a disseminação e conhecimento da cultura yorùbá no Brasil e na Diáspora. 

Através de seu engajamento e compromisso com seu povo e cultura, pode proporcionar momentos históricos de intercâmbio cultural e diplomático entre Brasil e Nigéria, bem como momentos marcantes, profundos e profícuos, de inestimado valor material e imaterial para a população brasileira.

Dentro da programação de oficinas e shows com Ìdòwú Akínrúlí que se inicia partir do dia 10 de janeiro, serão abordadas temáticas específicas  da Cultura Yorùbá como a história, a transmissão de saberes populares através da oralidade e do canto africano, ensino de ritmos e danças tradicionais do povo yorubá, Afrobeat (combinação de música iorubá, jazz, highlife, funk e ritmos, fundido com percussão africana e estilos vocais, popularizado na África na década de 1970 pelo seu criador,o artista nigeriano Fela Kuti)  e termina com uma imersão da Cultura Yorùbá no Refúgio Barro Branco nos  dias 14, 15 e 16 de janeiro.

Além das oficinas, o festival propõe uma série de shows musicais ao vivo com artistas  e bandas locais do Vale do Capão e de Lençóis que compartilharam o palco com o  artista convidado Ìdòwú Akínrúlí. No Capão os shows são nos dias 2, 5 e 8 de Janeiro.

TRIBUTO A FELA KUTI (The Black Presidente) 

Um show com músicas dançantes que carrega a força da ancestralidade, possui cenários que reproduzem os originais do movimento afrobeat e as histórias das músicas que Fela Kuti, o criador do AFROBEAT, criou para promover a cultura de seu povo e denunciar os processos de colonização e política repressiva na Nigéria. O show é regido por Ìdòwú Akínrúlí, que vivenciou o ritmo do Afrobeat com a família de Fela Kuti e conta com a participação de musicistas do Vale do Capão para sua realização, trazendo a linguagem mais fiel do Afrobeat.

 CAETE RAÍZ

“Raiz de folha verdadeira” Caeté é uma palavra indígena tupi, “Monte Verdadeiro” (Ka’ateté). Nascida em 2018 entre os vales do Parque Nacional da Chapada Diamantina, Brasil.  Caeté Raiz funde afro-latino, afro-beat, reggae, ska e seus espíritos circenses, criando uma poderosa presença visual e musical.  Composto por músicos viajantes de quatro países diferentes, que se viram compartilhando uma vida simples, saudável e criativa.  É o fruto recente de uma árvore antiga, com a intenção de paz e cura da alma e do mundo. Desde a sua criação, a banda se apresentou no cenário musical local, regional e, recentemente, nacional do Brasil, sendo rapidamente acolhida pelo público com surpreendente efervescência, o que os incentivou a enfrentar sua primeira turnê latino-americana.

INTEGRANTES:

Pablo Molina, (Chile), Guitarra, Bateria e composição

Javier Molina, (Chile), Trombone

Luciano Alonso, (Argentina), Baixo, composição e arranjos

Leonardo Frodo, (Brasil), Voz, Guitarra, Bateria e composição

Isabel Cardona, (Colombia), Voz, percussão e composiçãoj

Paula Aldunate, (Chile), Sax Alto

FESTIVAL ADÚN

Ingressos e informações

Whatsapp (51) 99348-3177

Publicidade
Publicidade