Notícias

5 curiosidades sobre as águas da Chapada Diamantina

Mergulhe sem medo! Organizamos essa lista de curiosidades para você planejar sua próxima viagem pelos quatro cantos dessa região da Bahia.

1. Razão das águas serem avermelhadas

É muito comum que os visitantes se perguntem qual a razão da maioria dos poços terem águas tão avermelhadas ou quase negras. Isso ocorre devido à quantidade de matéria orgânica, de galhos e folhas, como um “grande chá” da floresta que compõe do Parque Nacional da Chapada Diamantina.

2. Explicação para as águas cristalinas

As águas azuis chamam à atenção dos visitantes de atrativos naturais como a Gruta Pratinha, Poço Azul e Poço Encantado que refratam à luz do sol com uma coloração azulada incrível. Essas águas são diferentes de outras partes do mundo, isso porque algumas formações surgiram há milhões de anos quando a Chapada ainda era um mar.

3. Espumas no rio não são sinal de poluição

É comum encontrar espumas nas laterais dos poços ou entre pequenas quedas d’água nos cursos dos rios. A textura delas e sua cor são devido à intensidade do atrito das águas (de altas cachoeiras) somada à grande concentração de matéria orgânica presente no leito e margens dos rios.

4. A qualidade do turismo local depende dos rios

O Parque Nacional da Chapada Diamantina foi criado para conservação já que ele abriga vários rios, muitos deles cortam as cidades turísticas no entorno do parque. Esses cursos d’água podem estar mais ou menos cheios, isso dita o ritmo da sua viagem. Informe-se sempre com um(a) guia antes de beber ou entrar na água.

5. Maior parte da Bahia é abastecida por fontes da Chapada

Atualmente cerca de 80% da população da Bahia, inclusive de Salvador, é abastecida por rios que nascem no alto, na Cadeia do Espinhaço. Nessa parte de elevada altitude da Chapada nascem quase todos os rios das bacias do Paraguaçu, do Jacuípe e do Rio de Contas.

Para saber mais adquira o seu guia nas versões impresso e e-book aqui!



Publicidade
Publicidade
error: Content is protected !!