Visitar uma área de preservação ambiental, ou próxima dela, requer alguns cuidados específicos. Confira a seguir um código de conduta para o turista consciente.

Não deixe rastros

  • Deixe todos os objetos naturais (pedras, plantas, flores, animais e seus vestígios) como os encontrou. Dessa forma, você não agride a natureza e permite aos outros visitantes contemplar as mesmas belezas que você viu. Tire apenas fotografias, deixe apenas pegadas e leve para casa apenas suas recordações!
  • É proibido o uso de produtos de limpeza e cosméticos na área do Parque. Opte por marcas biodegradáveis ou de origem vegetal, utilizando-os a, pelo menos, 30 m de distância de rios e córregos. Também é essencial usar racionalmente repelente e protetor solar, utilizando-os sempre após, e não antes de entrar na água.

Traga seu lixo de volta

  • Não queime nem enterre o lixo. Leve saco plástico para acondicioná-lo, inclusive o orgânico;
  • Antes de deixar o local, certifique-se de que as áreas de acampamento ou trilha permaneçam como se ninguém houvesse passado por ali;
  • Utilize as instalações sanitárias que existirem. Caso não seja possível, cave um buraco com 30 cm de profundidade a pelo menos 60 m de qualquer fonte de água, trilha ou acampamento, onde não seja necessário remover a vegetação.

Respeite os animais

  • Observe os animais silvestres a distância – mesmo os menores. A depender da espécie, tentativas de aproximação podem ser interpretadas como ameaça e provocar um ataque;
  • Não os alimente;
  • Animais domésticos são proibidos. Eles espantam a fauna silvestre, deixam resíduos nas trilhas e podem transmitir doenças.

Não faça fogueiras

  • Elas destroem nutrientes que poderiam enriquecer o solo e podem matar incontáveis formas de vida essenciais ao equilíbrio ecológico. Além disso, facilitam a ocorrência de incêndios florestais;
  • Use um fogareiro próprio para acampamento;
  • Caso seja fumante, certifique-se de que as bitucas estão realmente apagadas e as traga de volta.

Cuide das trilhas e acampamentos

  • Mantenha-se nas trilhas pré-determinadas; caminhos alternativos favorecem a erosão e a destruição das raízes e plantas;
  • Evite acampar, mas se for o caso, pesquise os locais permitidos e se lembre de que, especialmente na época de chuvas, há o perigo da tromba d’água. Por isso, opte por lugares a 60 m de distância, no mínimo, da fonte de água mais próxima;
  • Não cave valetas ao redor das barracas.

Seja cortês com as comunidades e demais visitantes

  • Faça silêncio e evite levar instrumentos sonoros. Sinta os cheiros e escute os sons da natureza, como a melodia dos pássaros. Entregue-se ao passeio!;
  • Sempre que houver oportunidade, transmita para outras pessoas os princípios de mínimo impacto em áreas de preservação;
  • Interaja com os nativos, inclusive com o seu guia. Sua visita fica muito mais rica com o conhecimento de quem vive por aqui;
  • Contribua com a economia local, dando preferência para os serviços que são oferecidos por moradores da região. Eles dispõem de hospedagem, alimentação, transporte e guiada. Ao contratá-los, você dá oportunidade para que as pessoas permaneçam na sua comunidade e vivam em maior harmonia com o Parque Nacional.

Planejamento

Informe-se sobre as condições climáticas do local e consulte a previsão do tempo antes de qualquer atividade em ambientes naturais.

Dica

O visitante também deve procurar estar ciente das regras de visitação de cada atrativo, como, por exemplo, saber onde é permitido atividades como passeio a cavalo, Off-Road, rapel, entre outros. E, para isso, a melhor maneira é entrar em contato com o órgão responsável pela área de preservação.

  • Acesse também
    Guia Lençóis

    notícias atualizadas
    semanalmente com
    conteúdos exclusivos.

    Visite
  • Compre o
    Guia Impresso

    Compre aqui e receba em
    casa seu guia com 204
    páginas + pôster com
    mapas!

    Comprar
  • Baixe agora!
    É grátis

    Smartphones
    e tablets

    IOS e ANDROID

    Experimente
  • Loja
    Virtual

    Produtos exclusivos
    da Chapada Diamantina.

    PARA TODO O BRASIL

    Visite

Mais redes sociais:

Conte pra nós

O que você gostaria de fazer na Chapada Diamantina?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

Previsão
do tempo