Notícias

quarta-feira, 12 setembro, 2018 às 16:33 | Atualizado em: 12 setembro, 2018 às 17:16

Guitarrista de Lençóis é aprovada em conservatório francês de música

Charlaine de Souza Nascimento se prepara para estudar na Europa


Thais de Albuquerque


Charlaine de Souza Nascimento, jovem lençoense de 26 anos, foi aprovada no Conservatoire à Rayonnement d’Annecy, na França, onde irá estudar guitarra. A musicista fez formação em música no Ponto de Cultura Grãos de Luz e Griô, em Lençóis, onde estuda desde criança, e atualmente é gestora das oficinas de música para jovens e da Banda Griô.

Charlaine de Souza Nascimento. Foto: Arquivo pessoal

Seu interesse pelo Instituto aconteceu a partir do contato que Charlaine fez com um jovem francês que fez intercâmbio no Grãos. A partir daí, estudou francês, investiu na viagem com recursos próprios economizados com a bolsa de estudo de música no Grãos e também com seu trabalho como guitarrista em duas bandas da cidade. O resultado foi sua aprovação no Instituto, gerando muito orgulho em toda a comunidade lençoense!
“O Grãos de Luz e Griô acolheu um sonho de criança que nem sequer podia diferenciar uma guitarra de um baixo, rsrs… Ali, pude aprender a tocar um instrumento. Aos poucos, fui me aproximando da música e este sonho cresceu junto com meu corpo, meus sentidos e minha visão de mundo. Hoje, é profissão, é estudar longe do meu lugar, na Europa, em Annecy precisamente. Sinto-me feliz por dar esse grande passo e quando eu voltar pra casa, quero compartilhar tudo com meus amigos e com os grãozinhos da oficina de música.” comemora Charlaine.

Charlaine de Souza Nascimento. Foto: Arquivo pessoal

Grãos de Luz e Griô
É um ponto de cultura que nasceu em 1995 e tem sede em Lençóis. A instituição tem foco em educação, arte, cultura e desenvolvimento sustentável em comunidades tradicionais, rurais e periféricas da Chapada Diamantina e do Brasil. Seus projetos são direcionados a temas como o fortalecimento da identidade e da ancestralidade de crianças, jovens e adolescentes através de oficinas, tendo como tema gerador tradição oral e cidadania.

Participação da Família Grãos de Luz e Griô no Festival de Lençóis 2018. Foto: Renata Matos

“Uma das grandes bandeiras levantadas pelo Grãos de Luz e Griô  é poder promover nestes jovens o reconhecimento dos seus potenciais afetivos, artístico-culturais, científicos e políticos para atuarem como protagonistas da sua própria vida e da vida comunitária, ocupando lugares dignos na universidade, no mercado  trabalho e em coletivos artístico-culturais e ambientais.” comenta Lilian Pacheco, coordenadora, fundadora e educadora do Grãos.

O Grãos foi primeiro lugar no Brasil pelo Prêmio Itaú Unicef 2003, primeiro premiado no Prêmio Democratização Cultural 2008 pelo Instituto Votorantim, Destaque no Prêmio Cultura Viva 2007 e ostenta outros prêmios regionais, além e já ter participado de quatro festivais e encontros internacionais de culturas populares e tradições orais.

 

 



Mais redes sociais:

Conte pra nós

O que você gostaria de fazer na Chapada Diamantina?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

Previsão
do tempo